Região

Drones vigiam Parque do Barrocal

4b
Escrito por Jornal O INTERIOR

A Câmara de Castelo Branco vai usar drones para vigiar o Parque Natural do Barrocal, num projeto que conta com o apoio da empresa Albatroz Engenharia.
«Castelo Branco tem assumido um papel muito ativo ao nível do empreendedorismo e inovação. O projeto que está a ser desenvolvido é um bom exemplo de aproximação do tecido empresarial ao domínio público», considera o presidente do município numa nota enviada a O INTERIOR. José Augusto Alves sublinha que quer continuar o caminho da aproximação ao tecido empresarial da região, «fazendo jus ao reconhecimento de Castelo Branco enquanto Região Europeia do Empreendedorismo». Segundo a autarquia, os drones irão funcionar como um complemento ao sistema de segurança existente e contribuirão para dissuadir o incumprimento das regras estabelecidas para o parque. Funcionarão também «ao nível da proteção e apoio em eventuais casos de desnorte, perda ou outro tipo de adversidades que possam ter lugar», lê-se na nota.
Integrado nos territórios classificados do Geopark Naturtejo Mundial da UNESCO e da Reserva da Biosfera Transfronteiriça Tejo|Tajo Internacional, a Câmara de Castelo Branco investiu 1,4 milhões de euros na criação do Parque Natural do Barrocal.
Com 40 hectares, o espaço apresenta uma área visitável de 11 hectares, com sete mirantes, diversas formações geológicas de interesse, passadiços e trilhos naturais, parque infantil, observatório de aves, entre outras atrações naturais.

Sobre o autor

Jornal O INTERIOR

Leave a Reply