Cultura

Novo romance de Jerónimo Jarmelo apresentado na BMEL

Escrito por Pedro Duarte

O livro “Contos das Terras Altas”, de Jerónimo Jarmelo, é apresentado hoje às 16 horas no anfiteatro ao ar livre da Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço, na Guarda.

A obra reúne um conjunto de «histórias pitorescas, de outros tempos, à volta de personagens típicas que habitaram na região do Jarmelo e do chamado “planalto raiano”». O ponto de partida é a máxima “Quem conta um conto acrescenta-lhe um ponto”, que o autor leva muito a sério ao juntar mais alguns “ingredientes” imaginários a estas histórias que, genericamente, têm o seu fundo de verdade. «Não importando o quanto têm de verídico ou de ficcionado, interessa é que o leitor se delicie com histórias algo sérias; umas educativas e bem-humoradas outras».

Jerónimo Jarmelo, pseudónimo de Jerónimo Pereira Santos, nasceu na Castanheira do Jarmelo (Guarda). Estudou línguas Clássico-Românicas na Faculdade de Letras de Lisboa, é reformado e professor na Unisseixal – Universidade Sénior do Seixal e na Unica – Universidade Intergeracional do Concelho de Almada e membro efetivo da Associação Portuguesa de Escritores. É autor de seis romances, entre os quais “As Ninfas do Índico” (2014) e “Eu vou ser como a Serpente” (2017), com o qual venceu o Prémio Literário de Poesia e Ficção de Almada desse ano.

Sobre o autor

Pedro Duarte

Leave a Reply