Covid-19

Celorico da Beira é o município do país com maior incidência cumulativa de Covid-19 a 14 dias

Escrito por Luís Martins

Celorico da Beira é, esta semana, o município do país com maior incidência cumulativa de Covid-19 a 14 dias, com 822 casos por 100 mil habitantes.

Segundo os dados da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta sexta-feira, o concelho celoricense é o único da região com nível de risco muito elevado, a par de Barrancos (739), Albufeira (708), Montalegre (642), Penela (575), Portimão (491), Boticas (487) e São Brás de Alportel (569).

Em risco elevado (entre 240 e 480 casos por 100 habitantes) estão Vila Nova de Foz Côa, Figueira de Castelo Rodrigo, Covilhã, Manteigas e Fornos de Algodres, enquanto que em risco moderado (entre 120 e 240 casos) estão a Guarda, Belmonte, Trancoso e Mêda.

Sabugal, Pinhel, Fundão, Almeida, Aguiar da Beira, Gouveia e Seia apresentam risco baixo a moderado (entre 0 e 120 casos), de acordo com a informação disponibilizada pela DGS. A boa notícia é que nas primeiras duas semanas de setembro, até dia 15, a incidência cumulativa nos concelhos em Portugal continental e insular não chegou à categoria mais alta, acima de 960 novos casos por 100 mil habitantes a 14 dias, correspondente a um nível de risco extremamente elevado.

Todas as sextas-feiras, a Direção-Geral da Saúde divulga a incidência cumulativa a 14 dias no vários concelhos do país, classificando-a de acordo com as utilizadas pelo Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças.

Sobre o autor

Luís Martins

Leave a Reply

Financiamento