Coronavírus Cultura

SIAC cancelado, TMG, BMEL e Museu da Guarda continuam fechados

Escrito por Jornal O Interior

Os eventos culturais programados para o primeiro semestre de 2020 na Guarda, bem como a programação do TMG e de outros equipamentos municipais, foram cancelados.

Por causa da pandemia da Covid-19, não haverá Quadragésima, o programa de atividades baseadas nas tradições da Páscoa e que envolvia também os municípios da Covilhã, Belmonte, Sabugal e Fundão. Também o próximo Simpósio Internacional de Arte Contemporânea da Guarda (SIAC), agendado para junho e que, entre outras iniciativas, contemplava uma retrospetiva de Cruzeiro Seixas, foi anulado. Na lista dos eventos cancelados está também os Santos do Bairro, programa de animação da cidade durante os santos populares, e o ciclo de festivais de cultura popular em várias localidades do concelho. A autarquia ressalva que dos seis eventos programados apenas a Festa da Castanha e da Jeropiga de Famalicão da Serra poderá realizar-se «se em novembro as condições o permitirem».

A Câmara decidiu igualmente prolongar o encerramento do Teatro Municipal da Guarda (TMG), da Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço e do museu local, que estão a «recalendarizar» iniciativas e espetáculos para o segundo semestre do ano. Igualmente adiadas foram as comemorações dos 15 anos do TMG, em abril. Tendo em conta estes cancelamentos e adiamentos, a autarquia garante que os espaços culturais da cidade vão continuar “ligados” aos seus públicos através de visitas virtuais, programas de atuações para artistas amadores, atividades de promoção da leitura, apresentações online de livros e catálogos.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta