Política

Líder do CDS em campanha na Guarda contra o Bloco Central

Escrito por Luís Martins

O líder do CDS está esta manhã na Guarda para contactos com a população. Uma hora depois do previsto, Francisco Rodrigues dos Santos começou com uma visita ao mercado municipal, que estava vazio, e seguiu para o centro da cidade acompanhado pelos candidatos centristas pelo círculo da Guarda, cujo cabeça de lista é João Mário Amaral.

Numa declaração inicial aos jornalistas, o dirigente centrista sublinhou que «só o CDS é o voto certo para garantir uma governação de direita em Portugal, uma vez que os votos do PSD podem vir parar ao bolso de António Costa e até os votos do PS podem servir para entendimentos de bloco central». «Precisamos de um CDS forte porque nenhum voto no CDS será desperdiçado e servirá para formar a nova maioria de direita que o país precisa», sustentou.

Sem a presença da grande maioria dos dirigentes da distrital e rodeado de muitos jovens, Francisco Rodrigues do Santos aproveitou a passagem pela cidade mais alta para divulgar  o “Vale Farmácia”, uma proposta que garante o pagamento dos medicamentos aos idosos com mais de 65 anos que tenham baixos rendimentos. «A proposta foi aprovada no Parlamento, mas António Costa recusou avançar e a implementá-la», disse.

Saiba mais na próxima edição de O INTERIOR.

 

Sobre o autor

Luís Martins

Leave a Reply

Financiamento