Sociedade

Parkurbis e UBImedical são parceiros da Agência Espacial Europeia

Escrito por Luís Martins

O Parkurbis e o UBImedical (na foto), duas incubadoras de empresas sedeadas na Covilhã, vão integrar o programa de parcerias da ESA Business Incubation Centre (ESA BIC), da Agência Espacial Europeia.

Ao todo, foram selecionadas quinze entidades parceiras para esta rede de inovação baseada em tecnologias e dados da indústria espacial. Em comunicado, a Agência Espacial Portuguesa (Portugal Space) adiantou que algumas das incubadoras selecionadas deverão promover a criação de sub-redes de inovação de âmbito local. «É uma etapa essencial no nosso objetivo de alargarmos o alcance do sector espacial a toda a economia e a todo o país. As economias locais, incluindo dos Açores e Madeira, vão passar a beneficiar de incubadoras que estimulam o aparecimento de novas soluções, serviços ou aplicações baseadas no espaço», refere Chiara Manfletti, presidente da Agência Espacial Portuguesa, na nota.

Em seis anos, o ESA BIC apoiou através das três incubadoras instaladas em território nacional 30 projetos de negócio que têm por base tecnologias ou informação do setor aeroespacial. Os projetos apoiados receberam um investimento total de 2,5 milhões de euros e criaram cerca de 100 postos de trabalho. Além da definição do modelo de negócios, estes centros ESA BIC disponibilizam apoio relacionado com escritórios, logística e captação de investimento. Além do Parkurbis e do UBImedical, passam a integrar esta rede a IPN Incubadora (Coimbra), o UPTEC e o CEiiA (Porto e Matosinhos), a Startup Braga, a Startup Lisboa, a SANJOTEC (São João da Madeira), a UA Incubator (Aveiro), a Startup Madeira (Funchal), a UALG TEC START (Faro), o PACT (Évora) e a NONAGON, TERINOV e Incuba+ (S. Miguel, Santa Maria e Ilha Terceira, Açores).

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta