Sociedade

Adelaide Campos demite-se da direção da Urgência do Hospital da Guarda

Escrito por Luís Martins

Adelaide Campos, diretora das Urgências do Hospital Sousa Martins, na Guarda, demitiu-se invocado a falta de médicos e por não ter sido posto em prática naquele serviço o plano de contingência da gripe.

A decisão surge depois de médicos internistas terem enviado à administração da Unidade Local de Saúde uma nota de protesto pelo alegado mau funcionamento da Urgência, queixando-se, nomeadamente, da falta de material, da existência de doentes nos corredores e de os médicos escalados para a Urgência não aparecerem.

Adelaide Campos tinha sido nomeada no início de 2017, substituindo o médico Adriano Cardoso.

 

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta