Região

Fundão associa-se ao projeto SmartFarmer Beira Interior

Escrito por Pedro Duarte

Depois do Sabugal, é a vez do Fundão se juntar ao projeto SmartFarmer Beira Interior para apoiar a comercialização de produtos agrícolas locais.
A iniciativa da Organização Não Governamental (ONG) Oikos tem como parceiros a APPIM – Associação de Agricultores para a Produção Integrada de Frutos de Montanha, sediada na Guarda, e a autarquia do Fundão. Com este acordo, os parceiros querem potenciar a articulação entre a oferta (produção local agroalimentar) e a procura, em particular ao nível da restauração coletiva pública e social, incluindo escolas e lares residenciais; hotelaria e restauração; PME da indústria transformadora; consumidores familiares e grupos de consumo agregado. O SmartFarmer Beira Interior está acessível em https://mercachefe.pt/pt/smartfarmer/ e o objetivo é «aproximar produtores e consumidores» através do comércio eletrónico, promovendo o consumo local das famílias e dos consumidores coletivos, nomeadamente IPSS, Misericórdias e Câmaras Municipais, disponibilizando um novo canal de escoamento aos agricultores.

A MercaChefe.pt encarrega-se, «dentro dos “stocks” disponíveis, de recolher diretamente os produtos junto dos respetivos produtores e entregar em casa dos clientes num prazo de 48 horas», acrescentam. «Queremos disponibilizar soluções digitais de apoio à comercialização ao maior número de produtores possível para que, com o apoio do SmartFarmer e da nossa rede de parceiros, estes se possam registar e vender a sua produção online através de novos canais de escoamento», afirma João Fernandes, presidente do conselho diretivo da Oikos e cofundador do SmartFarmer. O projeto conta com uma rede de parceiros a nível nacional e o apoio do programa de Parcerias para o Impacto do “Portugal Inovação Social”, com financiamento do POISE e da Fundação Calouste Gulbenkian.

Sobre o autor

Pedro Duarte

Leave a Reply