Região

Fruticultores afetados pelo mau tempo com apoio de 40 euros por hectare

Escrito por Sofia Craveiro

Os municípios de Belmonte, Covilhã e Fundão já protocolaram com a Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro (DRAPC) a concessão de apoio aos fruticultores e viticultores de cada concelho afetados pelas chuvas intensas, queda de granizo e trovoada que afetou a Cova da Beira no final de maio.

O despacho normativo que determina a criação do respetivo apoio financeiro foi publicado no final de junho em “Diário da República”. O documento refere que, face ao «contexto de excecional adversidade, reveste-se da maior importância e urgência a atribuição de um apoio que vise minimizar os danos verificados nas explorações afetadas», para compensar as despesas com a aquisição de produtos para os necessários tratamentos fitossanitários e de fertilização foliar de forma «a não comprometer a produção posterior das plantas afetadas». O financiamento a atribuir é repartido entre o Ministério da Agricultura e os municípios afetados, sendo concedido sob a forma de subvenção não reembolsável.

O apoio é fixado até ao montante máximo de 40 euros por hectare de área afetada para pomares e de 20 euros por hectare de área afetada para a vinha e destina-se à aquisição de adubos foliares e/ ou produtos fitofarmacêuticos. Os interessados devem formalizar o pedido de apoio até ao final deste mês na DRAPC.

Sobre o autor

Sofia Craveiro

Deixar uma resposta