Região

Fogo de Sobral de São Miguel (Covilhã) ameaça aldeia

Escrito por Luís Martins

Mais de 340 operacionais estão a combater as chamas que consomem um povoamento florestal na freguesia de Sobral de São Miguel, no concelho da Covilhã, próximo das minas da Panasqueira. 

O trabalho dos bombeiros e restantes elementos da Proteção Civil está a ser apoiado por 130 viaturas e 14 meios aéreos, mas o fogo continua a progredir numa área densamente florestada devido ao vento e, às 19h55, estava a aproximar-se da aldeia. A orografia e os declives acentuados da zona também estão a dificultar as operações.

Segundo o presidente da Câmara da Covilhã, Vítor Pereira, que está a acompanhar o desenrolar das operações, «como o vento muda de direção com muita facilidade, teme-se que uma projeção possa agravar a situação ou até trazer o fogo para dentro da aldeia. Mas, por ora, não temos casas em risco».

O incêndio deflagrou às 14h43 numa zona de povoamento florestal paralela à localidade. 

O autarca frisou ainda que os operacionais enfrentam a dificuldade acrescida provocada pela difícil orografia do terreno e pelos declives acentuados da zona.

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta