Região

Bombeiros das Equipas de Intervenção Permanente vão ter aumentos

Escrito por Luís Martins

Eduardo Cabrita anunciou este sábado, durante a sessão de abertura do 21º Congresso Extraordinário da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP), em Aveiro, aumentos salariais para os bombeiros que integram as Equipas de Intervenção Permanente (EIP).

Segundo o ministro da Administração Interna, citado pela agência Lusa, este aumento «irá corrigir aquilo que há quase uma década não tem sido corrigido» e representa um aumento dos 617 euros para «um valor que se colocará certamente acima dos 700 euros». Mais tarde, Jaime Marta Soares, presidente da LBP, revelou que o aumento será para os 740 euros, pagos em 14 meses, a que acresce o subsídio de alimentação.

Eduardo Cabrita anunciou também que, dentro de duas semanas, serão formadas mais 40 EIP, constituídas por cinco elementos que estão em permanência nos quartéis de bombeiros para ocorrer a qualquer situação de urgência e emergência registada no concelho. No total serão 165 equipas constituídas em 18 meses.

«Isto permite-nos hoje já não estar a discutir ter uma equipa em todos os concelhos, mas estarmos a aproximar da circunstância de ter uma equipa em todas as corporações que a queiram ter e começar a discutir prioridades para criação de segundas ou terceiras equipas em áreas de intervenção prioritária», disse o governante.

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta