Coronavírus Região

Autarca de Pinhel escreve a Marcelo a pedir quarentena obrigatória com «caráter de urgência» para quem regresse ao concelho

Escrito por Luís Martins

O presidente da Câmara de Pinhel oficiou ao Presidente da República para que o primeiro-ministro e a ministra da Saúde tomem «todas as diligências» para que seja ordenada, «com carácter de urgência», a quarentena obrigatória a todos os que regressem ao concelho vindos do estrangeiro ou de outros pontos do país.

«Esta é de facto uma das causas de contágio que tem vindo a verificar-se na região, sendo que o município de Pinhel não está imune a este problema, pelo que tem vindo a apelar insistentemente à melhor compreensão e colaboração de todos», refere Rui Ventura em comunicado.
A autarquia declarou na sexta-feira o estado de alerta municipal, que reforça «a necessidade de emigrantes e pessoas residentes noutras zonas do país que pretendam regressar ao concelho efetuem nas suas habitações um isolamento profilático ou “quarentena”, com a duração de 14 dias a partir do dia da chegada».

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta