Região

Altice esclarece falha de internet na empresa de Trancoso

Escrito por Sofia Craveiro

A empresa de materiais de construção Santiago e CIA. Lda, sediada em Trancoso, esteve pelo menos três dias sem acesso à Internet, entre 15 e 18 de julho. A empresa fornecedora do serviço de telecomunicações,  Altice Portugal, veio agora esclarecer a origem dos problemas. A multinacional refere que  o «conjunto de episódios [que] colocaram em causa o fornecimento pleno de telecomunicações a oito clientes na zona de Trancoso» se deveu a «interrupções de serviço por motivos alheios à empresa». A Altice menciona ainda, a título de exemplo,  «uma situação de vandalismo ocorrida e participada às autoridades» e acrescenta que «deu a assistência imediata aos episódios decorridos, estando neste momento todos os serviços a funcionar em pleno», segundo a mesma nota.

Recorde-se que a empresa trancosense esteve sem acesso à rede entre «as 12 horas de 15 de julho e as 9h30 de dia 18», impossibilitando a concretização de vendas e a aceitação de encomendas neste período, de acordo com relatos do gerente António Santiago. O responsável contou a O INTERIOR que o “apagão” originou prejuízos «entre os quatro a cinco mil euros» de faturação e que pretendia «conversar com os sócios no sentido de pressionar a Altice e eventualmente obter uma indemnização pelos dias de prejuízo».

Recorde a notícia original aqui.

Sobre o autor

Sofia Craveiro

Deixar uma resposta