Região

25 de Abril na Região

Escrito por Jornal O Interior

Trancoso

25 de Abril evocado em sessão restrita nos Paços do Concelho

O município de Trancoso vai comemorar o 25 de Abril com uma sessão restrita no salão nobre dos Paços do Concelho.
«Num tempo em que, por força das circunstâncias, estamos confinados ao domicílio, faz todo o sentido celebrar o 25 de Abril, que nos devolveu a liberdade, deu origem a uma nova ordem constitucional democrática e veio permitir a criação do Serviço Nacional de Saúde, cuja importância e desempenho, neste momento de calamidade que o país atravessa, são, por todos nós, reconhecidos», justifica a autarquia em comunicado enviado a O INTERIOR. A cerimónia está agendada para as 10h30 deste sábado e contará apenas com a participação do presidente da Câmara, Amílcar Salvador, do presidente da Assembleia Municipal (AM), José Amaral Veiga, dos representantes dos partidos neste órgão, de um vereador do PS e do PSD e do representante dos presidentes de Junta na AM. A sessão será transmitia online no site do município na Internet.


Covilhã

Dia da Liberdade celebrado com poesia

É com poesia que a Câmara da Covilhã vai celebrar a Revolução dos Cravos. A iniciativa “Poetas da Liberdade” consiste na publicação diária, até sábado, de poemas alusivos ao 25 de Abril e à liberdade na página de Facebook da autarquia.
Estão convocados autores como Manuel Alegre, Sophia de Mello Breyner Andresen, José Jorge Letria, Zeca Afonso e José Carlos Ary dos Santos. Já no sábado um carro equipado com instalação sonora levará estes poemas às ruas da cidade e do concelho, enquanto os covilhanenses são desafiados a sair às varandas e janelas das suas casas para lerem os poemas à passagem da viatura. Até lá, a edilidade pede também aos munícipes que declamem ou leiam poesia e registem o momento para ser partilhado nas redes sociais da Câmara.


Guarda

Sessão solene, homenagens, arte e música online para celebrar o 25 de Abril

As comemorações do 25 de Abril na Guarda serão online por causa da Covid-19 e contarão com homenagens aos «heróis dos nossos dias», os bombeiros e profissionais de saúde, anunciou a autarquia.
No sábado, a partir das 11 horas, terá lugar a sessão solene evocativa do 46º aniversário do Dia da Liberdade, que desta vez consistirá na transmissão de um vídeo no Facebook do município com as intervenções pré-gravadas dos presidente da Câmara, Carlos Chaves Monteiro, e da Assembleia Municipal, Cidália Valbom, bem como dos líderes dos partidos políticos representados naquele órgão. As alocuções serão antecedidas da interpretação do “Hino da Guarda” pelo Orfeão do Centro Cultural. A partir das 15 horas, a Câmara vai entregar 46 cravos e uma placa de agradecimento à Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda, PSP, GNR e bombeiros da Guarda, Gonçalo e Famalicão da Serra.
O terceiro momento das comemorações será a celebração online dos 15 anos do TMG, que contará, entre outras iniciativas, com a pintura mural do “urban artist” guardense Desy, a criação de uma tela alusiva ao 25 de Abril pelo artista plástico Nuno Aparício e poemas de Abril. Pelas 21h30, o grupo Resistência vai dar um mini concerto online a propósito da efeméride, que terminará (23 horas) com o set “FREEdome”, do guardense DJ Bay, em direto do café-concerto. Além destas propostas, o presidente da Câmara apela à criatividade dos guardenses e à sua participação a partir de casa, colocando cravos nas janelas e varandas, bem como desenhos ou outras formas de expressão alusivas ao Dia da Liberdade.


Gouveia

25 de Abril comemorado com concerto nas redes sociais

O concerto do pianista Hugo Passeira é a forma encontrada pela Câmara de Gouveia para celebrar o 25 de Abril, este sábado. Com início às 21h30, o recital será transmitido em direto nas redes sociais do município a partir do Teatro Cine da cidade.
Num tempo de recolhimento geral da população e de restrição das deslocações, a autarquia quer assinalar o 46º aniversário da “Revolução dos Cravos”, «que marca o início da implantação do regime democrático em Portugal, com uma atividade cultural (à semelhança daquilo que tem feito noutros anos) que, nesta ocasião, em resultado das regras de distanciamento social, não será presencial».


Covilhã

Banda põe músicos a tocar à varanda

A Banda da Covilhã vai comemorar o 25 de Abril em cada bairro da cidade. Isto porque às 15 horas cada músico irá interpretar, à sua janela ou varanda, a “Grândola Vila Morena”, de Zeca Afonso, seguida do hino nacional.
Para a coletividade, esta é «uma forma simples» de assinalar o Dia da Liberdade, pois «há músicos praticamente em todos os bairros da cidade, bem como nalgumas aldeias próximas». Esta atividade é promovida em parceria com a Confederação Portuguesa de Coletividades de Cultura e Recreio, município da Covilhã e União de Freguesias de Covilhã e Canhoso.

Sobre o autor

Jornal O Interior

Deixar uma resposta