Rita Mendes

Escrito por Efigénia Marques

A extinção do gabinete da Secretaria de Estado da Ação Social na Guarda foi um golpe na descentralização e desconcentração de serviços tantas vezes apregoado pelo governo de António Costa. Porém, a manutenção das Secretarias de Estado em Bragança e Castelo Branco, confere à extinção da Secretaria de Estado da Guarda uma desvalorização de trabalho realizado por Rita Mendes. Ainda assim, sabe-se agora, serviu para a promoção do emprego de Pedro Pires e Joana Martins da Costa que deverão ter o seu lugar na Segurança Social. Jobs for the boys…

Sobre o autor

Efigénia Marques

Leave a Reply