Cultura

Luís Rebello evocado no Paço da Cultura

Escrito por Efigénia Marques

O artista plástico Luís Rebello (1945-2020) vai ser homenageado com uma retrospetiva da sua obra. A mostra é inaugurada esta quinta-feira (18 horas) no Paço da Cultura/ Museu da Guarda.
Pintor, desenhador, escultor e ceramista. José Luís Gonçalves Rebelo nasceu na Guarda e foi um autodidata que se aventurou na escultura e na pintura a espátula. Os seus primeiros trabalhos foram baseados nas memórias e momentos que passou na oficina de carpintaria do pai, tendo participado em exposições coletivas e individuais e recebido vários prémios. A sua obra retrata predominantemente aspetos da Beira Interior – sobretudo paisagens, casas e as suas gentes, da sua cidade natal e do mundo rural do distrito.
No mesmo dia será lançado o número 41 da revista cultural “Praça Velha”, edita pela autarquia, cuja capa reproduz um pormenor de uma composição pictórica de Rebello. Há artigos de Fernando Carvalho Rodrigues, Elsa Salzedas, António Marques, João Carlos Lobão, Vítor Pereira/ Alcina Cameijo/ Tiago Ramos, Ana Leonor Pereira da Silva, António Salvado Morgado, Manuel Luís Fernandes dos Santos, Anabela Matias, Dulce Helena Borges, Francisco Manso e Ana Manso, António Manuel Prata Coelho, Aires Antunes Diniz, José António Quelhas Gaspar, Inês Costa e Olga Santa Bárbara.

Sobre o autor

Efigénia Marques

Leave a Reply

Financiamento