Cultura

Augusto Gil em destaque nos 80 anos do Museu da Guarda

Escrito por Luís Martins

O Museu da Guarda comemora 80 anos de atividade esta quinta-feira com a inauguração de uma exposição e uma palestra sobre o poeta Augusto Gil.

A mostra “150 anos com Augusto Gil” pretende celebrar os 150 anos do nascimento do poeta, uma vez que o museu é, há décadas, o fiel depositário do seu espólio.

A exposição, cuja inauguração está marcada para as 17h45, pretende constituir-se como «um momento de encontro entre o passado e o presente, uma oportunidade para evocar e (re)descobrir uma das mais ilustres figuras da cidade, que imortalizou o seu amor pela Guarda e pela sua região através de poemas que a memória coletiva não esquece», justifica o município.

Na ocasião também serão declamados textos de Augusto Gil (por Inácio Correia, Alexandre Gonçalves e Tiago Lopes), será proferida uma palestra sobre “Augusto Gil, poeta, jornalista e republicano” (por Hélder Sequeira) e haverá um momento musical por Duarte Andrade e Leonardo Salles.

Esta manhã foi inaugurada a mostra “Terra d’Artes” com as obras criadas pelos artistas Pedro Figueiredo, Rui Miragaia, Pedro Amaral, Sofia Gralha, Sara Teixeira Sidney Serqueira e Sérgio Lemos no âmbito do ciclo de animação de verão “Isto (não) é um Festival”, promovido pela autarquia. 

Sobre o autor

Luís Martins

Deixar uma resposta