Arquivo

PT disponibiliza iPads para vereadores da Covilhã

Cedência dos “tablet PC” surge no âmbito de acordo celebrado entre a empresa e o município

A PT Comunicações cedeu recentemente um iPad a todos os vereadores da Câmara da Covilhã, incluindo os da oposição. Esta gentileza resulta de um contrato de prestação de serviços celebrado entre a telefónica portuguesa e o município no âmbito da instalação do Data Center da empresa, num investimento de 90 milhões de euros, na cidade.

No acordo celebrado entre a autarquia e a PT, a que O INTERIOR teve acesso, e que foi analisado na reunião do executivo de 7 de outubro, é salientado que o município «pretende incrementar a utilização de novas tecnologias, enquanto elemento essencial da sua estratégia de modernização, redução de custos e melhoria do serviço ao cidadão». E refere que, no passado mês de fevereiro, aquando da assinatura do memorando de entendimento para a exploração pela PT de um Data Center, foi ainda celebrado um protocolo de colaboração. Este acordo visa a «análise das atuais necessidades na área das Tecnologias de Informação e Comunicações (TIC) e serviços de comunicações eletrónicas no município, das entidades em que participa e das empresas sediadas na sua região». Segundo este memorando, as partes comprometem-se a desenvolver «os seus melhores esforços, de boa fé, de forma concertada e com maior diligência, tendo em vista o fornecimento de serviços na área das TIC e de comunicações eletrónicas ao município da Covilhã por empresas do Grupo PT», prevendo várias propostas.

A primeira diz respeito ao fornecimento do «serviço de dados via iPad para seis utilizadores», um número que, ao que O INTERIOR conseguiu apurar, terá sido ajustado para satisfazer os nove vereadores da autarquia. Outras propostas são a «implementação de soluções wireless, em linha com as atuais condições comerciais aplicáveis, para o Jardim Público», o «fornecimento de serviço de Internet de banda larga para todas as freguesias do concelho e o reforço do sinal da TMN» ou, por exemplo, «serviços de teleassistência, comprometendo um conjunto de 100 idosos da região». Adicionalmente, a autarquia «compromete-se a migrar as respetivas contas de endereço de correio eletrónico para a PT, sendo as mesmas geridas com recurso aos serviços de Cloud Computing» prestados pela empresa. Quanto às telecomunicações móveis, «e tendo em conta os atuais compromissos contratuais assumidos pelo município com terceiros, as partes comprometem-se a consultar a PT, até outubro de 2012, para o fornecimento» desse serviço.

Contactado Carlos Pinto, o presidente da Câmara apenas disse a O INTERIOR que «não é verdade» que a autarquia tenha oferecido iPads aos vereadores do executivo, conforme rumores que circulam na cidade. Já Vítor Pereira, eleito da oposição, também confirmou que «não se trata de uma oferta» e que os iPads «são da PT, não são dos vereadores», pelo que, quando cessarem funções, terão de os devolver à empresa.

Ricardo Cordeiro Aparelhos com ecrã táctil são a nova moda das telecomunicações

PT disponibiliza iPads para vereadores da
        Covilhã

Sobre o autor

Leave a Reply

Financiamento