Arquivo

Carlos Filipe Camelo vai ser o novo presidente

CIMBSE

Já está encontrado o próximo presidente da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela. Trata-se de Carlos Filipe Camelo, presidente da Câmara de Seia, que vai suceder a Paulo Fernandes, edil do Fundão, corporizando um largo consenso no seio dos autarcas do distrito da Guarda. A proposta deverá ser votada na reunião do Conselho Intermunicipal de terça-feira.

O socialista Carlos Filipe Camelo vai presidir à CIMBSE nos próximos dois anos, sendo que o cargo continuará a ser rotativo. Um dos seus vice-presidentes será Rui Ventura, de Pinhel. Em 2020, Luís Tadeu (PSD), de Gouveia, será o autarca que se segue, tendo como vice-presidente o edil de Manteigas Esmeraldo Carvalhinho. Os dois nomes foram encontrados na última semana após várias reuniões informais dos responsáveis políticos da região. Conforme O INTERIOR tinha noticiado no início do ano (ver edição de 18 de janeiro), a demora em eleger o presidente da CIMBSE já não estava a agradar a muitos autarcas por causa dos eventuais prejuízos que a região poderia ter na preparação de novas candidaturas aos fundos comunitários. Para atalhar caminho, os presidentes do PS e PSD do distrito da Guarda, em maioria no Conselho Intermunicipal, começaram a mobilizar-se para dar corpo a uma alternativa a Vítor Pereira (Covilhã), cujas movimentações e exigências não terão caído bem, e apoiar um candidato oriundo da antiga Beira Interior Norte.

O covilhanense Vítor Pereira (PS) foi o primeiro presidente da CIMBSE, em 2013, tendo sido rendido por Paulo Fernandes (PSD) em 2015. Definitivamente arrumada está a questão da sede da comunidade, que fica na Guarda.

Sobre o autor

Leave a Reply